ÚLTIMAS NOTÍCIAS E EVENTOS
Confira as últimas novidades e fotos de eventos!


Honda HR-V turbo chega às lojas em junho bebendo só gasolina: R$ 139.900 Versão Touring, dotada de motor turbinado de 173 cv, é destaque na linha 2020 do SUV. Só que o modelo não aceita etanol no tanque
08/05/2019 15:32
A Honda anunciou nesta quarta-feira (8) que a linha 2020 do HR-V começa a chegar em junho à rede de concessionárias da marca. A grande novidade fica por conta da volta da versão Touring, que passará a contar com motor 1.5 turbo, como antecipado pela marca no último Salão do Automóvel.

A boa notícia é que o SUV será equipado com um propulsor quatro-cilindros com injeção direta da mesma família do Civic Touring, gerando ótimos 173 cv de potência e 22,4 mkgf de torque.

Só que ela vem acompanhada de duas outras informações não tão empolgantes. A primeira: como ocorre no Civic 1.5, o HR-V turbo não será flex, aceitando apenas gasolina. A segunda: o preço ficará em salgados R$ 139.900.

De série, a versão turbinada trará como elementos externos exclusivos: faróis em leds; teto solar panorâmico; duas saídas de escape; logotipo "Turbo" na tampa do porta-malas. Por dentro, o acabamento receberá tom cinza a depender da cor da carroceria.
Outros itens de série exclusivos serão: chave com sensor para abertura das portas por aproximação; partida do motor por botão; limpadores de para-brisa automáticos; retrovisor interno antiofuscante; câmera de ponto cego no retrovisor externo direito.
O motor 1.5 turbo virá acoplado à mesma caixa CVT do Civic turbo, com simulação de sete marchas, porém recalibrada.
Segundo a Honda, o câmbio recebeu aprimoramentos no freio-motor aprimorado, maior velocidade de redução da relação, a fim de tornar as retomadas mais eficientes, e acelerador a plena carga com modulação mais progressiva.
Demais versões seguem com o propulsor 1.8 flex naturalmente aspirado de 140 cv com etanol, já conhecido desde o lançamento do HR-V no Brasil.
Ele é gerenciado por um câmbio CVT diferente da versão Touring, embora também com simulação de sete marchas.

Nenhuma versão custa menos de R$ 94 mil, sendo que apenas uma fica abaixo da casa de seis dígitos. No caso, é a LX, R$ 94.400, que ganhou central multimídia de 5 polegadas e câmera de ré com três modos de visualização na linha 2020.

De resto, tal versão segue com equipamentos já existentes na linha 2019, como controles de estabilidade com assistente de partida em rampa, luzes de frenagem de emergência, bancos com rebatimento modular, ar-condicionado manual, freio de estacionamento elétrico com função auto hold, controle de cruzeiro e faróis de neblina halógenos.

A intermediária EX, R$ 101.700, foi incrementada com central de sete polegadas (incluindo conectividade via Apple CarPlay e Android Auto) e sensores de estacionamento traseiros, além de incluir os já constantes ar digital, airbags laterais e aletas para trocas manuais das marchas atrás do volante.

Já a EXL, R$ 111,900, passará a oferecer sensores de estacionamento dianteiros e grade frontal em preto brilhante.

Antes, já contava com bancos revestidos em couro, airbags de cortina, faróis com acendimento automáticos, central multimídia de 7 polegadas com navegador GPS e retrovisores externos com rebatimento elétrico e tilt down na peça direita.

fonte:4rodas
CONFIRA MAIS FOTOS
CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA AS OFERTAS DO SITE
Nome:
E-mail:
Copyright 2012 - 2019 © Kleber Carros - Todos os direitos reservados. Desenvolvimento:
COMPARE
Máximo de 5 veículos